Coloque seu e-mail para receber atualizações, artigos e dicas!

Afinal, o que é Doula?!



Doula: A palavra "doula" vem do grego "mulher que serve". Nos dias de hoje, aplica-se às mulheres que dão suporte físico e emocional a outras mulheres antes, durante e após o parto.

O ambiente impessoal dos hospitais, a presença de grande número de pessoas desconhecidas em um momento tão íntimo da mulher, tende a fazer aumentar o medo, a dor e a ansiedade. Essas horas são de imensa importância emocional e afetiva, e a doula se encarregará de suprir essa demanda por emoção e afeto, que não cabe a nenhum outro profissional dentro do ambiente hospitalar (Doulas do Brasil).



Santos e Nunes (2009, apud Magalhães, 2015) citam que estudos comprovam que a presença da Doula durante o trabalho de parto diminui a incidência de problemas perinatais, o uso de ocitocina, analgesia, o tempo do trabalho de parto, maior interação e vínculo entre mãe e bebê, menor taxa de cesarianas e relatos de melhor percepção por parte das mulheres em relação a seus partos.

Vale ressaltar que a Doula não substitui o acompanhante da parturiente, porém faz-se necessária como aquela pessoa que está presente no trabalho de parto para dar suporte emocional à mulher quando, talvez, o próprio acompanhante não esteja em estado emocional que consiga auxiliá-la. Oferece apoio discreto, muitas vezes percebido somente pela gestante (GOMES, 2005 apud MAGALHÃES, 2015).




bibliografia:
Ana Cristina Duarte - Doulas do Brasil: Acesso em: 23/07/2015.
Disponível em: http://www.doulas.com.br/oque.php

MAGALHÃES, Laís A; O apoio psicológico à mulher durante o trabalho de parto. (monografia ainda não disponível para consulta). 2015.

Proxima
« Anterior
Primeiro
1 Comentario
avatar

Parabéns pelo post, muito esclarecedor.

Balas